Sagrada Esperança vai pagar 15 mil dólares por desistir da taça CAF


Após o comunicado de desistência da taça CAF feito pela equipa de futebol do Sagrada Esperança, da Lunda-Norte, no último fim de semana, por alegada falta de condições para cumprir o período de quarentena de 15 dias na África do Sul, o clube vai pagar uma multa avaliada em 15 mil dólares.

O jogo estava marcado para esta quarta-feira (6), em Joanesburgo e por força desta desistência, o clube angolano terá que pagar 15 mil dólares à equipa sul-africana, a título de indemnização pelos custos que teve a quando da sua viagem à Luanda.

A exigência de cumprimento de uma quarentena obrigatória, surgiu depois de ter surgido uma nova estirpe do novo coronavirus na África do Sul, país em que os Lundas disputariam a segunda mão da penúltima eliminatória de acesso à fase da referida competição, diante do Orlando Pirates.

A direcção do clube aponta que uma paragem de 15 dias seria prejudicial para o rendimento competitivo da equipa, que disputa o Girabola.

Por outro lado, o Sagrada Esperança arrisca-se a sofrer uma sanção da CAF, que poderá passar pelo pagamento de uma multa em dinheiro e o impedimento de participar em provas realizadas sob a égide da mesma confederação por um período determinado.

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK