Professora morre de covid-19 após regressar ao trabalho


A informação é confirmada pelo Sindicato dos Professores que reprova a presença desnecessária dos professores nas escolas sem aulas. No K. Norte professores são obrigados a fazer limpeza e cortar capim.

O Sindicato dos Professores defende que a ministra da Educação, como integrante da equipa multissectorial de combate a covid-19, deve anunciar a actual situação da pandemia face a intenção de regressar as aulas nos próximos tempos.

 Zacarias Jeremias, a falar em nome do Sindicato à Emissora Católica de Angola, confirmou, sem adiantar a localidade e data, o falecimento de uma professora por covid-19, divulgado nas redes sociais.  Segundo o sindicalista, as escolas não têm condições para continuarem a receber professores. 

Na província de Kwanza Norte muitos professores são obrigados a fazer limpeza, cortar capim, actividades não referidas na circular do Ministério da Educação. Os professores mostram-se indignados por não serem empregados de limpeza. Entretanto, o  secretário provincial de Educação, Domingos João, considera “o envolvimento de professores na limpeza é uma actividade muito normal.”

Fonte: Emissora Católica de Angola

REAÇÕES

3
   
0
   
0
   
1
   
1
   
1
   
1
   
3
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK