Mara Quiosa nega receber deputados da UNITA
A governadora de Cabinda, Mara Quiosa, é acusada de ter rejeitado receber na sede do Governo Provincial de Cabinda, a comissão de deputados do Grupo Parlamentar da UNITA que esta quinta-feira, 08, iniciou uma agenda de trabalho àquela província.

Segunda a UNITA, antes do início das suas actividades, foi solicitado documentalmente um encontro com a governadora Mara Quiosa para uma saudação e breves discussões dos principais problemas que afectam a população de Cabinda, mas, infelizmente, a número 1 da província não os recebeu.

Segundo o deputado da UNITA, Lourenço Lumingo, que faz parte da comissão, e desabafou nas redes socais, postos em Cabinda, os deputados foram informados por um dos funcionários do Governo da Província de que a governadora e os seus vices estavam ocupados.

"Tristes com a situação, tentámos contactar o director do seu gabinete, infelizmente, não atendeu o telefone. Contactámos também o novo administrador municipal de Cabinda, o seu director do gabinete, informou-nos também que ele não tinha disponibilidade para nos receber", desabafou o político.

O grupo parlamentar da UNITA deu iniciou esta quinta-feira, 08, a uma agenda de trabalho nas 18 províncias do País, onde durante três dias os deputados vão visitar hospitais, escolas e manter encontros com membros da sociedade civil para ouvir as suas reais preocupações e recolher contribuições da população para futuras discussões na Assembleia Nacional.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   

Comentários