Jovem é condenado a dois meses de prisão por arrancar dístico da CNE


O jovem Carvalho dos Santos Chitekulo, de 21 anos, foi condenado a dois meses de prisão, por arrancar o dístico de uma Assembleia de Voto, para fazer de cortina da sua residência, na Kibala, província do Kwanza Sul.

O jovem foi hoje, quarta-feira, sumariamente julgado pelo Tribunal Provincial do Kwanza Sul, por ter arrancado o dístico de uma Assembleia de Voto, e condenado a pena de prisão de dois meses, convertida em multa de 40 kzs por dia. 

De acordo com a sentença, o jovem vai pagar ainda 25 mil kzs de taxa de justiça, e 5 mil kzs de monumento do advogado oficioso.

O jovem mostrou-se arrependido, e fez saber que arrancou por estar em estado de embriaguez.

Fonte: Rádio Ecclésia

REAÇÕES

1
   
3
   
0
   
0
   
0
   
0
   
2
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK