Jornalista que revelou que a mulher o traiu durante 11 anos foge do Namibe


O jornalista do Namibe que fez uma manifestação à porta da casa do colega por este manter relações sexuais com a sua esposa durante 11 anos fugiu da província.

Fontes do Angola-Online dão conta que o jornalista fugiu para a Huíla, terra natal, face as ameaças que sofre de pessoas estranhas.

Tudo começou com uma manifestação à porta da casa do colega (também jornalista) por este manter relações sexuais com a sua esposa durante 11 anos. Acompanhado de uma dezena de apoiantes exigia que tinha de deixar a roupa da esposa infiel na casa do amante.

Passando alguns dias. Centenas de mulheres manifestaram no Namibe a exigir punição do jornalista porque manchou a imagem das mulheres namibenses.

Segundo natos, o acto na cultura local é normal. Uma mulher já comprometida é livre de manter relações sexuais com homens da sua tribo. Porém, se é encontrada em flagrante o homem (amante) tem de pagar pés multa com cabeças de gado.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
3
   
1
   
0
   
0
   

Comentários