Está detido o curandeiro que tentou transformar gatuno em anti-bala


O delinquente morreu quando fazia o teste.

Foram detidos pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) dois implicados na morte do cidadão de 48 anos,ocorrida a 22 do mês passado, no bairro Boa Esperança, no Cazenga.

Trata-se de um delinquente que foi à procura dos préstimos de um curandeiro para alegadamente travar as balas, ou seja,tornar-se homem anti-bala. Só que não acabou como perspectivado. O cidadão (delinquente) fez o teste alvejando-se na cabeça, mas erradamente porque o efeito foi morte imediata. Sinal de que não era homem anti-bala, a porção alegadamente mágica não surtiu efeito.

Os implicados estão detidos enquanto decorre o processo-crime.

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
0
   
2
   
0
   
0
   
1
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK