Deputados da Unita e activistas impedidos de entrar em Kafunfo


O grupo parlamentar da Unita e activistas querem apurar a verdade.

Uma delegação composta por cinco deputados e activistas, entre eles Laura Macedo, foram impedidos de entrar em Cafunfo, Lunda Norte, pela Polícia Nacional.

A delegação pretende realizar um inquérito sobre as mortes registadas pela alegada rebelião.

Questionado sobre a situação, o ministro da Justiça e Direitos Humanos, Francisco Queirós, disse não saber de nenhum inquérito a realizar pela delegação da Unita e activistas.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK