Beberam medicamento para abortar gravidez acabaram presas


As quatro jovens beberam medicamentos para interromper a gestação, agora estão presas.

O Serviço de Investigação Criminal (SIC ), em N'dalatando, província do Kwanza Norte, por intermédio uma denúncia anónima procedeu, recentemente, a detenção de quatro jovens mulheres de 16,18, 22 e 23 anos, por estarem implicadas no crime de tentativa de aborto.

As cidadãs confessaram o acto, movidas por vontade própria, tendo recorrido à ingestão de medicamentos com vista a facilitar a interrupção da gestação. Estiveram internadas no hospital materno-infantil da cidade de Ndalatando.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
2
   
0
   
0
   
3
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK