Angola tem novo chefe do Estado-Maior das FAA e director-geral da Inteligência Externa
O Presidente da República assinou esta sexta-feira um decreto a exonerar o general António Egídio de Sousa e Santos do cargo de chefe do Estado-Maior das Forças Armadas Angolanas, nomeando o general Altino Carlos José dos Santos para o lugar.

Num outro decreto, João Lourenço exonerou o general José Luís Caetano Higino de Sousa da função de director-geral do Serviço de Inteligência Externa, escolhendo para o cargo Matias Bertino Matondo.

Também esta sexta-feira, 20, o Presidente da República exonerou João Bernardo de Miranda, do cargo de embaixador extraordinário e plenipotenciário de Angola em França Francesa, indicando para o seu lugar Guilhermina Contreiras da Costa Prata.

O Chefe de Estado nomeou igualmente o general Adão Adriano António para o cargo de presidente do Conselho Superior de Disciplina Militar do Estado-Maior General das Forças Armadas Angolanas.

Foram também nomeados:

General João Serafim Kiteculo, para o cargo de comandante do Exército;

Tenente-general João Cruz da Fonseca, para o cargo de 2º comandante do Exército.

General Virgínio António da Cunha Pinto, para o cargo de comandante da Força Aérea Nacional;

Tenente-general Emanuel Mendes Vasconcelos, para o cargo de 2º comandante da Força Aérea Nacional;

Vice-Almirante Noé Rodrigues João Magalhães, para o cargo de 2º comandante da Marinha de Guerra Angolana;

General Sequeira João Lourenço, para o cargo de chefe-adjunto da Casa Militar do Presidente da República.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários