Agentes da polícia matam a machadada cidadão inocente
Dois agentes da Polícia Nacional (PN) no Moxico são acusados de assassinar um cidadão de 47 anos, de nome de Dala Caiombo, no bairro Vila Luso, arredores do Luena.

O chefe de gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa (GCII) do Serviço de Investigação Criminal (SIC), Elisário dos Passos, informou que a vítima, Dala Caiombo, foi morta à machadada pelo efectivo da corporação, durante uma luta.

O facto ocorreu no bairro Vila Luso, quando o malogrado se deslocou para a residência dos referidos agentes para confrontar uma queixa apresentada pela filha, Maria Caiombo, segundo a qual um dos efectivos, Almiro Mutambuleno, a agrediu após ter negado ser beijada à força pelo acusado.

Após chegar à residência dos referidos polícias, para confrontar a queixa, os agentes agrediram a vítima, tendo um dos acusados desferido um golpe na região craniana e provocando a morte de Dala Caiombo, apesar de assistência médica no Hospital Geral do Moxico.

Os dois agentes da PN encontram-se já detitos para serem apresentados ao Ministério Público (MP).

No primeiro semestre deste ano, a província do Moxico registou 14 crimes de homicídios, na sua maioria por crença ao feiticismo.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários