Racismo: Atletas Norte-americanos recusam-se a jogar


Jogadores Norte-americanos, recusaram-se a competir, para protestar a morte do afro-americano Jacob Blake, ocorrido no passado Domingo, 23.

jogadores de seis equipas que disputam os “play-off” da Liga norte-americana de basquetebol, recusaram entrar em campo esta quarta-feira, e as partidas tiveram de ser canceladas.

Os Toronto Raptors e os Boston Celtics também planeiam um boicote ao encontro marcado para a noite desta quinta-feira, a contar para as meias-finais da Conferência Este da Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA).

Os apoios não tardaram em chegar. O principal campeonato de basebol também teve dois jogos cancelados depois de Dominic Smith, ajoelhar-se na altura em que se ouvia o hino nacional.

 A tenista Japonesa Naomi Osaka, também abandonou a prova, depois ter chegada nas meias finais da competição. 

Os protestos seguem-se nas terras de Donald Trump, depois de no passado domingo, Jacob Blake, um afro-americano de 29 anos de idade, ter sido atingido nas costas por sete tiros, quando se deslocava para o carro, onde estavam os filhos. 

A vítima encontra-se em estado grave, numa unidade hospitalar.

Fonte: EuroNews

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK