Rocha Pinto volta a estar sobre chamas
O clima no bairro Rocha Pinto, distrito urbano da Maianga, em Luanda, voltou a ficar mais tenso na noite de sábado, depois de um suposto agente da Policia Nacional disparar mortalmente contra uma morador.

De acordo com informações chegadas a redacção da Angola-Online por volta das 22 horas, dão conta que, um morador do bairro Rocha Pinto, nas mediações da moagem, foi morto por engano por um agente da policia, na tentativa de impedir uma rixa entre dois grupos.

Fruto disso, a população revoltou-se contra os agentes, em protestos interditaram a circulação rodoviária na Avenida 21 de Janeiro, nos dois sentidos, com pneus em chama, contentores e outros objectos. 

Segundo a Policia Nacional, sem confirmar o autor do disparo, revela que, tudo começou quando os seus efectivos foram chamados no local “para intervir numa rixa entre dois grupos e neste momento investiga para determinar o autor dos disparos e os causadores da desordem”.

A Policia Nacional garante ainda que já está reposta a ordem na Avenida 21 de Janeiro e mais informações serão adiantadas assim que terminarem as investigações preliminares.

“Apelamos aos cidadãos que mantenham a calma e confiança na Polícia Nacional”, apelou a direcção provincial de comunicação institucional e imprensa.

Fonte: Redacção e Policia Nacional

REAÇÕES

COMENTÁRIOS