João Lourenço consternado com a morte do general João de Matos
O Presidente da República, João Gonçalves Lourenço, mostrou-se consternado com a morte do general João de Matos, e endereçou sentimentos de pesar a família enlutada.

“Neste momento de dor e luto, o Presidente da República, João Lourenço, curva-se perante a sua memória e endereça à família enlutada e às Forças Armadas Angolanas, os mais sentidos pesares”, lê-se no comunicado.

João de Matos, de 62 anos de idade, morreu na madrugada deste sábado, de prolongada doença, no Reino de Espanha, onde estava em tratamento.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS