Isabel retirada da lista de participantes na Cimeira de Davos
A empresária Isabel dos Santos, não vai estar presente no Fórum Económico Mundial este ano, uma vez que o seu nome foi removido da lista de participantes da cimeira de Davos, avança o jornal britânico The Guardian.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Os grandes bancos estão a recusar ter relações comerciais com Isabel dos Santos e com o marido Sindika Dokolo e o Fórum Económico Mundial terá mesmo riscado o nome da empresária da lista de participantes que vão estar, já a partir desta terça-feira, em Davos para a mega cimeira onde são esperados 50 chefes de Estado e de Governo e cerca de 2.800 participantes.

A revelação é feita pelo jornal britânico The Guardian que faz parte do Consórcio Internacional de Jornalismo de Investigação que este domingo fez várias relevações que envolvem o nome da filha do ex-presidente angolano.

O jornal The Guardian escreve que, à medida que vão sendo conhecidos os escândalos a envolver a família Dos Santos, os grandes bancos têm evitado relações com o casal, por indicação dos departamentos de compliance que temem ficar associados a casos de corrupção.

Conta o jornal britânico, que o nome de Isabel dos Santos “foi riscado” da lista de participantes do Fórum Económico Mundial que arranca amanhã e junta grandes empresários, banqueiros, banqueiros centrais, políticos, activistas, sociedade civil entre outros.

O ECO consultou o site da organização do evento e de Angola eram aguardados três participantes: um deles ligado ao sector energético/ambiental, outro às tecnologias de informação e um terceiro identificado como uma “figura pública”.

A Unitel, empresa de telecomunicações angolana, é uma das patrocinadoras desta reunião em Davos, mas a organização já veio avisar que está “a reavaliar a sua participação”.

Fonte: Angola 24 Horas

REAÇÕES

COMENTÁRIOS