Frango estragado é retirado do aterro sanitário para fazer magoga
Os populares estão a apanhar latarias e frangos expirados deitados no aterro sanitário, em Cacuaco, para vender e fazer a famosa magoga.

Vários produtos expirados deitados no aterro sanitário estão a ser retirados pelos populares para vender a preços baixos nos mercados da cidade capital. Informações que a Angola-Oline apurou, os populares estão a apanhar frango estragado para vender as senhoras que fazem magogas. O que representa perigo eminente a saúde pública. 

A Associação de Defesa do Consumidor, na voz do responsável da área jurídica, Jordan Coelho, diz existe negligência por parte da direcção do aterro, e apela as autoridades a encerrar o acesso ao local para impedir que os produtos cheguem a população.

Fonte: Rádio Ecclesia

REAÇÕES

COMENTÁRIOS