Estudante é expulsa da universidade por racismo nos E.U.A.
Uma estudante de 18 anos, foi expulsa da Universidade de Hartford, nos Estados Unidos da América, por tentar se livrar da colega negra.

O caso mais recente aconteceu em Connecticut, uma estudante branca de 18 anos, foi acusada por crime de ódio, após contaminar a escova de dente e loções faciais da colega de quarto negro, além de outros pertences. 

"Depois de um mês e meio cuspindo no óleo de coco dela, colocando molusco mofado em suas loções, esfregando tampões usados em sua mochila, colocando a escova de dentes dela em locais onde o sol não alcança, e muito mais, finalmente posso dizer adeus para a Barbie jamaicana", escreveu na sua conta do Instagram à acusada por crime de ódio.  

Segundo a vítima, algumas vezes passou mal com dores horríveis na garganta, mas a sua colega e companheira de dormitório nunca se quer se importava. 

Por outro lado, a vítima num vídeo directo feito na sua conta pessoal do facebook, fez saber que a universidade primeiro tentou abafar o caso para não dar em nada.   

"Se as raças fossem invertidas, tenho a impressão de que o rumo tomado seria outro", disse a estudante sobre o pedido que a faculdade lhe teria feito para manter-se em silêncio diante do fato.

Fonte: EXTRA | Texto: Igor Silva

REAÇÕES

COMENTÁRIOS