Até agora não há sinal do Satélite angolano
O primeiro satélite angolano, Angosat1, lançado a 26 de Dezembro do ano passado, continua sem dar sinal.

Embora não tenha sinal, a empresa russa construtora do primeiro satélite angolano, garante o aparelho está em órbita.

A mesma garantia foi dada pelo o ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, avançando que análise final do estado do satélite só será conhecido em Abril. 

"Nós temos uma fonte oficial, que é nossa contra parte russa, e ela diz-nos que o satélite está em órbita, portanto, em Abril, em função do contrato, nós teremos de facto uma análise final do estado de saúde do satélite", disse o ministro, sublinhando que o processo está a ser devidamente monitorizado.

Caso o aparelho que custou 320 milhões de dólares aos cofres do Estado angolano, não transmita sinal até Abril deste ano, a empresa vai se responsabilizar na construção do segundo satélite angolano, Angost 2, sem financiamento do Governo.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS