Psicóloga fala de assédio, bajulação, corrupção e impunidade no livro
Maria da Encarnação Pimenta vai apresentar, no próximo dia 18 do corrente, às 15h30 na Igreja Nossa Senhora do Carmo, sita na Mutamba, ao lado do Governo Provincial de Luanda, a obra intitulada "ASSÉDIO Bajulação ALTA CORRUPÇÃO Branqueamento de Capitais IMPUNIDADE".

De acordo com a publicação feita na sua conta do Facebook, visitada pela Angola-Online, a psicóloga revela que “os assediadores têm necessidade intrínseca de mandar em alguém que os bajule para que, no meio da bajulação, consigam enganar todos e angariar bens ilícitos até se sentirem poderosos”. 

“Sendo o quinto país mais corrupto e o terceiro de África, no nosso país usurpa-se o dinheiro do Estado sem se prestar contas, criam-se empresas e programas fantasma, detentores de grandes monopólios que controlam toda a vida económica do berçário”, escreveu. 

A psicóloga avança ainda que esta obra procura retratar de aspectos ligadas as empresas e serviços de vendas de produtos da cesta básica alimentar aos diamantes; do petróleo às pescas; da exploração de madeira à aviação; da rede hoteleira e turismo à educação e saúde; da rede de transportes à comunicação e cultura e muito mais. 

Nascida no Kwanza Norte, Encarnação Pimenta tem mestrado em Psicologia Industrial e Clínica pela Universidade de Lagos, curso superior de ciências de educação no Instituto Superior de Ciências da Educação de Luanda (Isced).

Maria da Encarnação Pimenta lecciona, desde 2000, na Universidade Católica e no Instituto Piaget. 

Fonte: Redacção

REAÇÕES

COMENTÁRIOS