Crise económica afasta consumidores de peixe na praia da Mabunda


A compra de peixe na praia da Mabunda em Luanda tornou-se mais caro, face a situação económica que o país atravessa. 2000 Kwanzas é o valor que uma família pode desembolsar para colocar quatro peixes (cachucho) sobre a mesa para o jantar

Camilo Neves é um dos consumidores de peixe da “Mabunda” e afirma que os preços praticados não compensam para uma boa refeição familiar “O peixe aqui está muito caro” desabafou. “O que nós comprávamos outrora por 500 kwanzas hoje estamos a comprar à 2000 kwanzas e o que custava 1000 kwanzas hoje está à 3000 kwanzas” concluiu.

De acordo com a dona Joana que também frequenta a praia todos os dias, o preço do peixe varia dependendo dos dias. A mesma salientou que, existe épocas que o preço fica mais acessível para qualquer bolso.

Algumas vendedoras de peixe justificam a subida de preços pela baixa do preço do crude na arena internacional bem como, a falta de divisas no mercado angolano que se verifica desde o segundo trimestre de 2014, colocando Angola em estado de crise.

Para conseguir o peixe os pescadores ficam cerca de uma semana no auto mar onde passam por diversas dificuldades. O estado da maré é que dita a destreza para a captura do peixe no auto mar.

Quando a maré está boa conseguimos muito peixe mais quando está mal enfrentamos muitas dificuldades” afirmou o pescador Miguel Cristóvão. Face a esta situação, o mesmo sente-se obrigado a comercializar a um preço além do esperado.

Os peixes cachucho, a espada o carapau e a sardinha são os mais capturados na famosa praia da “Mabunda” localizado no distrito urbano da Samba. 

Nos dias de normais de semana o comércio de pescado regista pouca afluência dos consumidores.

 

Fernando Antunes

REAÇÕES

1
   
0
   
1
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK