UNITA recusa sondagem que coloca MPLA na primeira posição


A UNITA não concorda com a sondagem feita pela Universidade Jean Piaget de Benguela, e o Instituto Sol Nascente do Huambo, apoiado pela Universidade Católica Portuguesa, que põe o MPLA na primeira posição, com 36% dos votos.

Depois da publicação da primeira sondagem das eleições gerais de 23 de Agosto, pela Universidade Jean Piaget de Benguela, e o Instituto Sol Nascente do Huambo, que teve destaque na mídia nacional e internacional, como o canal Euro News. Em que o MPLA está a frente com 36% nas intenções do voto, CASA-CE 19% e UNITA 15%. 

A UNITA aproveitou o seu tempo de antena na Rádio Nacional de Angola, para recusar os resultados da sondagem que considera ser encomendada pelo MPLA, e que visam desvirtuar a realidade dos factos para manipular os leitores e distrair a comunidade internacional.

REAÇÕES

1
   
1
   
0
   
2
   
4
   
1
   
2
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK