UNITA leva à rua milhares de pessoas
A UNITA cumpriu com a promessa de realizar neste sábado, 03, as series de manifestações em todas províncias do país, que juntou milhares de pessoas.

Em Luanda a manifestação teve início nos Congolenses, local da concentração, e culminou no Largo do 1º de Maio, com a intervenção de Isaías Samakuva, presidente da UNITA. Segundo informações que tivemos acesso, as manifestações nas 17 províncias ocorreram sem interferência da força da ordem.  

Lourenço Bento, secretário para Comunicação da UNITA, fez saber a manifestação “é para obrigar a Comissão Nacional Eleitoral (CNE) a usar a transparência e a legalidade durante as eleições. Queremos que as eleições sejam justas e sem constrangimentos", disse.

O maior partido da oposição em Angola, afirma de igual modo, “irregularidades no procedimento contratual de duas empresas, SINFIC e INDRA, para a elaboração dos cadernos eleitorais e o credenciamento dos agentes eleitorais, bem como o fornecimento de material de votação e da solução tecnológica.”

REAÇÕES

13
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   

Comentários