Roubaram a linha férrea do novo aeroporto de Luanda
Condiciona os prazos para a execução da obra, para além dos prejuízos financeiros.

Cerca de 200 fixadores do novo ramal do Caminho-de-ferro de Luanda (CFL), em construção para ligar ao novo Aeroporto Internacional de Luanda, foram furtados, no fim-de-semana, informouo director do gabinete de comunicação e imprensa do CFL, Augusto Osório.

O responsável informou que durante o fim-de-semana foram furtados 200 fixadores ao longo do ramal ferroviáro, na zona do quilómetro 44, município de Icolo e Bengo.

O furto destes fixadores, segundo Augusto Osório, poderá condicionar os prazos para a execução da obra, para além dos prejuízos financeiros causados pelo furto e a vandalização do bem público.

Apelou as populações residente nas proximidades do ramal a denunciarem essas práticas prejudiciais ao desenvolvimento do CFL que vai ajudar na mobilidade dos luandenses.

O furto de parafusos e fixadores do CFL tem sido constante, apesar do trabalho preventivo feito pela empresa ferroviária.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   
1
   
0
   

Comentários