Residência do Fundador da Nação “Manguxi” pode desabar


A residência do Herói Nacional e primeiro presidente de Angola, que hoje 17 de Setembro completa o seu aniversário natalício, pode desabar se houver chuvas fortes na localidade do Luena, província do Moxico, devido ao mal estado de conservação a que se encontra, por não beneficiar de manutenção este ano.

Localizada no bairro Mandembué, arredores da cidade do Luena, a casa, erguida com base de adobos e chapas de zinco, comporta dois quartos, uma sala, cozinha e um vasto quintal coberto por mangueiras, era onde se hospedava na cidade do Luena o primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto.

De acordo com a fonte da Angola-Online, o edifício apresenta roturas na cobertura de chapas de zinco, nas portas e janelas, bem como fissuras nas paredes interiores e exteriores e resíduos sólidos espalhados no seu quintalão.

As chuvas intensas que se avizinham, constituem nesta época do ano, a maior ameaça para o desmoronamento do antigo bastião do autor da “renúncia impossível”, “Sagrada Esperança”, entre outras obras literárias.

Apesar de ser designada casa-museu, está praticamente abandonada, por falta de uma estrutura responsável pela sua gestão coerente.

Angola celebra, hoje terça-feira 17, o Dia do Herói Nacional, dedicado ao aniversário natalício do primeiro Presidente da República, António Agostinho Neto, nascido a 17 de Setembro de 1922, em Kaxicane, município de Icolo e Bengo.

Fonte: Angop

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK