ONU prevê retrocessos na igualdade do género por conta da Covid-19


Recentemente, a vice-directora da ONU Mulheres, Anita Bhatia, considerou que por conta da Covid-19 tem se verificado um retrocesso na questão da igualdade do género 25 anos depois, por entender que muitas mulheres voltaram a concentrar-se nas tarefas domésticas.

Anita Bhatia considera que as mulheres estão fazendo muito mais tarefas domésticas e cuidados com a família, devido ao impacto da pandemia.

“Tudo pelo que trabalhamos, que levou 25 anos, pode ser perdido em um ano”, disse a vice-diretora executiva da ONU Mulheres, Anita Bhatia.

Segundo a ONU, oportunidades de emprego e educação podem ser perdidas, e as mulheres podem sofrer de problemas de saúde física e mental.

Ainda de acordo com a ONU, antes do coronavírus, para cada hora de trabalho não remunerado dos homens, três horas eram feitas pelas mulheres, agora esse número é maior.

“Se era mais do que três vezes maior do que os homens antes da pandemia, garanto que esse número pelo menos dobrou”, diz Bhatia.

A ONU Mulheres alerta que o efeito cascata de ter menos mulheres trabalhadoras será terrível não apenas para o bem-estar das mulheres, mas também para seu progresso econômico e independência.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK