Onde anda o cão de João Lourenço?
João Lourenço é o terceiro inquilino do Palácio da Cidade Alta, a residência oficial dos presidentes de Angola. Com ele e a família foi também um companheiro de quatro patas da nova familia presidencial angolana.

Angola não tem tradição, ao contrário dos EUA, por exemplo, de existirem animais na residência oficial do Presidente da República . Na era Barack Obama, Bo e Sunny (da raça cão de água português), eram conhecidos e acarinhados por funcionários da Casa Branca, pela imprensa e até mesmo por grande parte dos americanos . O clã Bush ( pai e filho) também teve cães na Casa Branca. Ronald Reagan também levou alguns dos seus cães para a Casa Branca . 

Em França, o cão oficial da presidência é um labrador ( os últimos cinco presidentes tiveram cães desta raça). 

Durante a pré-campanha, João Lourenço apareceu numa foto junto a um caniche branco e isso terá despertado à atenção de muitos internautas. O caniche é um cão tradicional de França. O seu nome em francês  significa "cão pato", em inglês, o seu nome é Poodle, que deriva da palavra alemã "puddelin", que significa "chapinhar na água" . Estes nomes dão ideia que no começo, esta raça tanto em França como na Alemanha foi empregada como cão de caça aquática . São uma raça de cães inteligentes e dóceis, mas fáceis de ensinar e foram no passado mascote da aristocracia francesa . 

Ainda não se tornou público, o nome do primeiro "Kambuá " presidencial angolano e se é macho ou fêmea, mas para nós fica só já "Bobby" se for macho ou "Laika" se for fêmea. Eu chamo-lhe mbora "Ngola Yami", fica melhor, pois cão presidencial tem de ter nome tradicional. Desde Setembro de 2017, que este elemento da "patrulha pata" terá já se instalado no Palácio da Cidade Alta. 

Se o caniche apareceu em fotos da campanha de 2017, certamente esperava vê-lo em alguns momentos mais descontraídos da nova família presidencial angolana e de preferência ao som de "Kambuá" de Bonga nesta campanha de 2022.

Cinco anos depois da eleição de João Lourenço, para o cargo de Presidente da República, não temos novidades do caniche "Ngola Yami" . Será que depois de estar acomodado lá no Palácio da Cidade Alta, já não quer nada com os holofotes da fama ? Agora só deve ver canal Panda ou  Capashow. 

Quem sabe numa produção para a revista Caras, Lux ou a Platina Line, o nosso casal presidencial apareça bem descontraído e com o "Ngola Yami", o nosso primeiro "Kambuá" presidencial. Será que numa entrevista para O Tal Jornal,  o casal presidencial iria aparecer com o "Ngola Yami"? Ou ele é apenas um cão de campanha para "humanizar" o Chefe ? Será que o "Ngola Yami" voltará em 2022 ?  Depois do " culé" com o funcionário do Palácio, a foto " pausada" a ler o nosso "Pravda", não vamos ter uma foto do Ngola Yami?  Quero um candidato amigo dos animais. 

Saudades do nosso "Ngola Yami", o primeiro “Kambuá Presidencial” da Angola independente. Onde anda o Ngola Yami ?  Não vai aparecer nesta campanha?  Je Suis Ngola Yami! 

Texto de Salambende Mucari

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   

Comentários