Ministério da Saúde garante que vai realizar concursos públicos anuais até 2024 para médicos e enfermeiros


O Ministério da Saúde (MINSA) deu esta a conhecer que passará a realizar concursos públicos anuais, até 2024, para aumentar o número de médicos por habitante em Angola.

A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, deu a conhecer que o País conta com menos de dois médicos por cada 10 mil cidadãos, mas não avançou qual é o número de médicos que o MINSA precisa até 2024.

A ministra assegurou que, em dois concursos públicos realizados, o MINSA admitiu mais de 2 mil novos médicos.

"Tivemos um grande ganho, só em dois concursos públicos admitimos mais de 2 mil médicos", disse Sílvia Lutucuta, acrescentando que, no que toca aos enfermeiros, técnicos de diagnóstico, etc, o Ministério da Saúde admitiu, por via de concurso público, mais de 26 mil novos profissionais.

"Este número representa um acréscimo de 26%, do número de técnicos que temos", afirmou a responsável.

Sílvia Lutucuta proferiu estas declarações, esta quinta-feira,30, durante o seu discurso de abertura no 1.º workshop sobre os "Protocolos Clínicos", realizado pelo MINSA, no Centro de Convenções de Talatona (CCT), em Luanda.

Entretanto, nos concursos públicos de 2018 e de 2019 foram admitidos 26 mil profissionais, entre os quais 2.945 médicos, número que Sílvia Lutucuta considera insuficiente, tendo em conta as necessidades do País.

Segundo dados oficias, a rede sanitária angolana conta com cerca de 100 mil profissionais, para servirem mais de 30 milhões de habitantes. A Organização Mundial da Saúde (OMS), recomenda um médico para mil habitantes.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários