Marcha contra o desemprego - Manifestantes em confronto com  a polícia


O deputado da Unita Nelito Ekuikui ficou detido durante duas horas. Os manifestantes foram impedidos de seguir ao 1º de Maio com explosão de gás lacrimogénio.

O clima desde manhã é de tensão na zona dos Congolenses em Luanda entre a polícia e centenas de manifestantes que pretendiam marchar até ao 1º de Maio. A polícia impediu a marcha com gás lacrimogénio  quando o grupo tentava seguir caminho a zona de termino. 

Dispersados com a brigada canina alguns manifestantes responderam com arremesso de pedras. O momento ficou marcado também com a detenção do deputado da UNITA, Nelito Ekuikui, durante duas horas. 

A tentativa da marcha ocorreu numa altura em que é proibida a realização de manifestação pública com mais de 5 pessoas, de acordo a actualização do decreto presidencial sobre a Situação de Calamidade para travar a propagação da pandemia da covid-19.

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
2
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK