Mão dura de Lucas Ngonda pode levar Tribunal Constitucional a extinguir FNLA


Frente Nacional de Libertação de Angola (FNLA), poderá ser extinto como partido político, por decisão do Tribunal Constitucional, caso não sejam solucionados os conflitos internos, nem realizado o quinto Congresso Ordinário.

A confirmação foi feita pelo membro do Bureau Político e do Comité Central do partido, Ndonda Nzinga, durante uma conferência de imprensa de membros do Bureau Político e do Comité Central da FNLA que se opunham à liderança de Lucas Ngonda e do Secretário-geral suspenso, Pedro Dala.

Segundo o político, a Lei dos Partidos Políticos, determina a extinção, por decisão jurisdicional, da formação política que não apresentar,durante sete anos, as actas comprovativas das eleições periódicas dos órgãos de direcção.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK