Manifestantes em Portugal pedem demissão do Presidente da República


Um grupo de manifestantes reuniu-se hoje, 11, defronte ao Consulado de Angola em Portugal, em protesto contra a governação do partido no poder e pede a demissão do Presidente da República, João Lourenço.

O grupo que conta com o apoio do músico Puto Prata e o activista Nito Alves, implicado no processo 15+2, reuniu-se defronte ao Consulado de Angola em Lisboa, para exigir a renúncia do Presidente, os 44 anos de governação do MPLA, os problemas económicos que o país vive entre outros. 

Mesmo debaixo de um aparato da polícia portuguesa, os manifestantes não se intimidaram e gritaram slogans contra a governação do actual Presidente da República. 

Angola-Online promete trazer mais dados nas próximas horas, numa altura onde a manifestação pacífica, sob o lema "de casa não saio", também prevista para hoje, em todo território nacional não teve êxitos.

De acordo com várias fontes, não houve paralisações das actividades laborais, como previsto. 

Assista aqui o vídeo 

Fonte: Redacção

REAÇÕES

4
   
0
   
0
   
0
   
0
   
9
   
1
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK