Jovem morre afogado ao tentar atravessar a vala


Um jovem morreu no bairro da Canâmbua, arredores da cidade de Malanje, após ter sido arrastada numa vala pela correnteza das águas resultantes das fortes chuvas que caíram sobre a região.

Segundo a irmã da vítima, Marcelina Manuel, o facto deu-se por volta das 14 horas de segunda-feira, quando o falecido tentava atravessar a vala que divide os bairro Catepa e Canâmbua, no intuito de chegar à casa, tendo sido arrastado pelas águas provenientes da rede de drenagem de águas residuais da Canâmbua, cujas obras estão paralisadas há mais de três anos.

Disse que o irmão ainda chegou a ser transportado a uma unidade hospitalar, onde veio a falecer.

Entretanto, os moradores mostraram-se preocupados com a situação, uma vez que a existe uma escola primária a cerca de 20 metros da referida vala, que já causou a morte de seis pessoas nos últimos anos.

Os moradores solicitaram a construção de uma ponte e conclusão das obras integradas da Canâmbua, que consistem na infra-estruturação de dois mil e 78 quilómetros de estradas, construções de redes de drenagem de águas residuais e rede de iluminação pública.

Crédito de Angop

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
1
   


COMENTÁRIOS NO FACEBOOK