JLO assina, num só dia, mais de 2 mil milhões de dólares de dívida


O Chefe de Estado angolano aprovou, num só dia, mais de 2 mil milhões de dívida, ao autorizar quatro acordos de financiamento entretanto publicados no Diário da República. Um deles vale 1,3 mil milhões de euros e destina-se às obras da barragem de Caculo Cabaça.

O segundo financiamento autorizado pelo mesmo despacho vale 139 milhões de euros e servirá para o financiamento do down payment no valor de até 10% do contrato comercial relativo ao projecto da barragem.

O projecto hidroeléctrico de Caculo Cabaça foi lançado em 2017 e está previsto vir a produzir 2.172 Megawatts (MW). Caculo Cabaça terá cinco turbinas, quatro das quais na central principal, com capacidade nominal de 530 MW cada, e uma na central ecológica, com capacidade de 52 MW.

O despacho 188/22 aprova o acordo de financiamento de 275 milhões de dólares para a implementação do projecto de expansão do sistema de abastecimento de água na província do Cunene (Cunene Fase II).

Já o despacho Presidencial 192/22 autoriza o acordo de financiamento no valor global de 300 milhões USD para a cobertura do projecto de transformação agro-pecuária familiar (MOSAP3), que visa aumentar a produtividade agro-pecuária e promover a resiliência climática para os pequenos produtores.

Estes 2.094 mil milhões juntam-se aos 427 milhões de dólares norte-americanos pedidos de empréstimo ao Deutsche Bank para a reabilitação de 306,6 quilómetros da Estrada Nacional 230 (EN-230) no início da semana.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários