Futebolista Capita segue a selecção no Brasil
O futebolista Osvaldo Capemba “Capita”, vai hoje sexta-feira, por decisão da FAF, seguir a selecção nacional de futebol sub-17, no mundial que vai decorrer em Brasil, depois de ter sido impedido de viajar na última terça-feira pelo 1º D´Agosto, por alegada indisciplina.

A Direcção do clube Desportivo 1º de Agosto, vem por este meio esclarecer aos sócios e a opinião pública sobre a situação em voga, relativo ao jogar, que a quando  da convocatória deste para a selecção, em tempo oportuno a nossa direcção solicitou à FAF, no sentido de não convocá-lo  pelas razões já emitidas no comunicado anterior, sobre o processo disciplinar instaurado ao mesmo. Lê-se no comunicado.

“Foi com surpresa que tomamaos conhecimento não só da deslocação, mas também que o mesmo rubricou um pré-contrato com o Clube Desportivo Trofense, Futebol SDUQ, conforme foi amplamente publicado no facebook do clube português”,refere o comunicado. 

Sendo prática recorrente de alguns dirigentes sem escrúpulos, levar atletas menores para o exterior do país, sem respeito aos clubes que os formam e os contratam, prática também combatida pela FIFA, entendemos ser atendível que se comunicasse às autoridade, no sentido de se prevenir a deslocação do menor, sem observância dos preceitos normativos e legais. Lê-se.

Em resposta ao comunicado, a FAF garantiu que o atleta Osvaldo Capemba “Capita”, vai seguir a viagem ao mundial, hoje sexta-feira pelas 23h, acompanhado de três técnicos, para integrar o grupo da selecção sub-17, que se encontra na República Federativa do Brasil.   

Segundo o comunicado da FAF, as razões que estiveram na origem da obstrução da viagem do atleta, são de domínio público, sendo que a FAF assume a sua responsabilidade, enquanto órgão reitor do futebol em Angola, no entanto vai levar o atleta no mundial, nesta condição.

Fonte: FAF / 1º De Agosto

REAÇÕES

COMENTÁRIOS