Funcionários da PGR vão cruzar os braços a partir do dia 24 de Agosto


Na base da greve está a lentidão no processo de promoção.

Os trabalhadores administrativos e técnicos de Justiça da Procuradoria-Geral da República (PGR) prometem entrar em greve de 24 a 28 de Agosto do corrente ano pelo não cumprimento do acordo feito há dois anos. 

Lourenço Domingos, presidente da mesa dos trabalhadores administrativos e técnicos de Justiça, diz existir “manobras delatórias” no processo de promoção dos funcionários. Não concorda que a actualização seja de forma gradual pelo facto da haver condições de promoção dos 400 trabalhadores.

O responsável clarifica diante das manobras a escolha é a greve porque a situação é do conhecimento do Procurador-Geral da República, Hélder Fernando Pita Grós.

REAÇÕES

1
   
0
   
1
   
0
   
1
   
0
   
0
   
1
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK