EUA:  Aliado de Trump, Chris Christie, pede que ele aceite a derrota


Recentemente um proeminente aliado de Donald Trump o exortou a abandonar seus esforços para reverter sua derrota para Joe Biden nas eleições presidenciais dos Estados Unidos.

O ex-governador de Nova Jersey, Chris Christie, chamou a equipe jurídica do presidente de "embaraço nacional".

Muitos republicanos apoiaram seus esforços legais, mas um número pequeno, mas crescente, rompeu as fileiras.

No sábado, Trump sofreu um grande golpe na Pensilvânia , depois que um juiz rejeitou uma ação da campanha de Trump que buscava invalidar milhões de votos por correspondência no estado de batalha.

Falando ao programa This Week da ABC no domingo último, 22, o Sr. Christie, um ex-governador de Nova Jersey, disse: "Francamente, a conduta da equipe jurídica do presidente tem sido um constrangimento nacional". 

Em uma decisão contundente, o juiz Matthew Brann disse que seu tribunal foi apresentado com "argumentos legais tensos sem mérito e acusações especulativas".

Apesar dos esforços de Donald Trump, a previsão é que Biden derrote o presidente Trump por 306 a 232 no colégio eleitoral dos Estados Unidos, que determina quem se torna presidente, números estes que estão muito acima dos 270 que ele precisa para vencer. 

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK