Estradas do país continuam a matar


A sinistralidade rodoviária continua a ser uma das grandes causas de morte no país. A província do Kwanza Sul, em uma semana, registou 11 acidentes de viação, que resultaram em pelo menos, três mortos e sete feridos.

Atropelamentos, choque entre veículos automóveis e velocípedes com motor, despiste e capotamento, foram as ocorrências registadas nos municípios do Sumbe, Amboim, Conda e Cela.

Mal estado das vias, condução em estado de embriaguez, excesso de velocidade e falta de precaução por parte dos condutores, são apontados como as principais causas dos acidentes.

Um quadro não muito diferente registou-se na provincial do Zaire, com igual número de mortes e seis feridos, em consequência de seis acidentes de viação registados nos últimos sete dias.

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK