Director de escola no Uíge rouba computadores da instituição


Já foi detido.

Estão igualmente arrolados no processo o subdirector pedagógico e dois auxiliares de limpeza, que vão responder às acusações em prisão preventiva, medida de coacção mais gravosa, aplicada pelo magistrado do Ministério Público (MP) junto do SIC-Uíge.

De acordo com o porta-voz do SIC-Uíge, Zacarias Fernando, os acusados entraram na instituição pela calada da noite, arrombaram à porta e destruíram a grade para, em seguida, roubarem os materiais da escola.

"De facto, os suspeitos tinham como alvos preferencial a própria instituição onde trabalham, de onde terão furtado computadores, monitores, teclados, computadores portáteis, projectores LCD, máquinas fotográficas e câmaras de vídeo e mais 30 mil Kwanzas que estavam no interior de uma das gavetas da instituição de ensino", acrescentou o porta-voz do SIC-Uíge.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários