Covid-19 mata mais  um médico angolano


Pela segunda vez a doença que abala o mundo mata um profissional da saúde.

O médico de 65 anos é a única vítima mortal nas últimas 24 horas, informou o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, sem fazer menção da unidade hospitalar em que trabalhava ou esteve internado. A vítima junta-se ao médico da clínica Sagrada Esperança falecido há quase dois meses pela doença, por sinal, a primeira mortal no país.

Franco Mufinda refere a taxa de infecção hospitalar em Angola é muito baixa, se comparada com as de outras realidades, é de 1.6%, o que espelha a preparação dos profissionais da linha da frente.

Nas últimas 24 horas foram registadas 28 novos casos, 1 morte e 29 recuperados. No total, o país conta com 2.805 casos positivos, com 113 óbitos, 1.144 recuperados e 1.548 activos.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK