Cidadão rompe seguranças do governador da Huíla para pedir emprego


O cidadão pediu emprego para o filho de 25 anos.

Durante a visita ao município de Caconga, Luís Nunes foi abordado pelo cidadão Bernardo Aurélio. Os seguranças não conseguiram impedi-lo de chegar ao governador e expressar as suas dificuldades.

“Por causa da minha condição física, não consigo me deslocar. Pedi uma motorizada de três rodas ao governador. Por outro, tenho um filho de nome Aurélio Cinco-Réis, 25 anos, que terminou o ensino secundário do II Ciclo, antes ensino médio, em 2013 e ingressou no Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED)- Huíla", conta.

 Acrescenta, “eu já estou a ficar velho. É o único rapaz que eu confio. Quero que o governador e o administrador municipal de Caconda, Nandim Capenda, proporcionem. por meio de concurso público, emprego para o meu filho."

REAÇÕES

9
   
0
   
4
   
1
   
0
   
0
   
0
   
1
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK