Cidadã asfixia até a morte filha de 8 meses para se aproveitar do dinheiro das condolências


Cidadã está a ser acusada de ter asfixiada até a morte a sua filha de oito meses, para pagar dívida que tinha de 100 mil kwanzas durante contribuições das condolências do óbito.

O incidente terá acontecido na cidade de Benguela, depois da agressora ter visto o seu pedido de ajuda da liquidação de 100 mil kwanzas ser negado pelos seus familiares. Resolveu asfixiar a sua filha sob pretextos de retirar algum lucro durante as contribuições das condolências.

Segundo fontes policiais acusada encontra-se detida e será apresentada dentro de dias ao ministério público para os devidos trâmites judiciais que se impõem.

Fonte: RNA

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK