Cheikhou diz que Mané teria ganho Bola de Ouro se não fosse africano


Cheikhou Kouyaté, colega de Sadio Mané na selecção do Senegal, disse nesta quarta-feira, em uma opinião polémica que o jogador do Liverpool teria sido o melhor jogador do Mundo, se não fosse africano.

P U B L I C I D A D E

P U B L I C I D A D E

Ao Mirror, segundo fonte da Angola-Online.net, o médio do Crystal Palace elogiou o argentino Leo Messi, mas deixou claro que no seu entender ninguém foi melhor em 2019 do que Mané.

“Para mim, o Bola de Ouro foi o Sadio Mané. Não há qualquer dúvida sobre isso. Reparem, se o Sadio fosse brasileiro ou europeu, não havia sequer discussão. O prémio ter-lhe-ia sido atribuído de caras e não digo isto porque sou colega dele na seleção ou por conhecê-lo. É apenas aquilo que quem vê futebol sente", começou por declarar, ao 'Mirror'.

"Voltem atrás e vejam bem o que ele fez pela sua equipa e pela seleção. Não há melhor do que ele. Todos sabemos que o Messi é muito bom, talvez o melhor de sempre, mas na última temporada... vá lá! Talvez tenham de começar a ter a presença dele nas redes sociais ou começar a vestir coisas caras", avançou.

"Talvez não seja só o futebol que importa, pois não houve ninguém melhor do que ele. É inacreditável como muitas pessoas são julgadas e isso não é justo", considerou.

De salientar que, Mané foi o quarto mais votado na eleição da 'France Football', com 347 pontos, atrás de Lionel Messi (686), Virgil van Dijk (679) e Cristiano Ronaldo (476).

Fonte: Record PT

REAÇÕES

6
   
1
   
0
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   


COMENTÁRIOS NO FACEBOOK