Angolanos na Ucrânia pedem apoio urgente ao Governo


Com medo, os angolanos, grande parte estudantes, pedem apoio ao Governo. Rússia vai continuar atacar na Ucrânia.

Os angolanos na Ucrânia pedem urgente apoio do Governo para saírem deste país em guerra desde a madrugada de hoje com a Rússia.

"Aqui a guerra é mesmo uma realidade", disse Leonel, estudante na Ucrânia que diz que não tem orientação da embaixada angolana que funciona na Rússia.

As sirenes voltaram a tocar, se aconselha aos cidadãos fugirem das cidades a serem atacadas pela Rússia.

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

Comentários