Angola vai endividar-se em AKZ 938 mil milhões para cobrir défice do OGE 2021


Governo Angolano, vai recorrer ao endividamento para cobrir o défice de cerca de 938 mil milhões de kwanzas de despesas correntes da proposta de Orçamento Geral do Estado para 2021.

A confirmação foi feita esta segunda-feira, 16, pela secretária de Estado do Orçamento e Investimentos Públicos, Aia-Eza da Silva, garantindo que o país não irá conseguir pagar todas as suas despesas com a receita que arrecadar.

 "Então vamos ter que nos endividar, esse orçamento ainda prevê algum nível de endividamento, daí que seja importante que o défice não seja tão elevado, porque nós já estamos com um nível de dívida do PIB[Produto Interno Bruto] acima dos 100%", disse Aia-Eza da Silva, em declarações RNA.

 A proposta de OGE 2021, com receitas estimadas e despesas fixas em 14,78 biliões de kwanzas, vai terça-feira à discussão e votação, na generalidade, na Assembleia Nacional.

Por RNA

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK