Angola recebe 417 milhões de dólares para pôr fim ao problema de energia


Banco Mundial e a Agência Francesa do Desenvolvimento emprestaram o dinheiro para o governo resolver a maka da energia.

Um total de 417 milhões de dólares, dos quais 250 milhões um empréstimo do Banco Mundial, e 167 milhões de crédito da Agência Francesa do Desenvolvimento, foi aprovado, para um projecto que visa melhorar o sector Eléctrico de Angola, segundo informou o Banco Mundial numa nota de imprensa divulgada ontem. 

O Banco Mundial também, faz saber na nota, pretende financiar "medidas imediatas para aumentar a capacidade operacional, comercial e técnica das três empresas públicas de energia, resultando  em melhorias significativas nos serviços de electricidade”.

REAÇÕES

0
   
1
   
0
   
0
   
2
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK