Angola evoluiu em termos de Direitos Humanos


O encontro que o Ministro da Justiça e dos Direitos Humanos,Francisco Queiroz, manteve com a embaixadora da União Europeia em Angola, Jeannette Seppen, concluiu que Angola registou uma evolução em termos de Direitos Humanos.

"A avaliação que a União Europeia faz em relação aos passos dados nesta matéria é positiva”, garantiu Francisco Queiroz.

 Por outro, o estadista angolano disse que a comissão conjunta analisou os reflexos da Covid-19 na vida da população e concluiu que a pandemia criou dificuldades económicas, políticas e sociais em todo mundo e em Angola não foi diferente.

"Quando a situação económica não é favorável, isso se reflecte nas condições de vida da população, que acaba por afectar os direitos,liberdades e garantias das populações no acesso aos bens económicos, saúde,educação, o que gerou as manifestações”, sublinhou.

Por JA

REAÇÕES

1
   
0
   
0
   
1
   
0
   
6
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK