Actividade do MPLA tira autocarros das vias e obriga população andar a pé
Crianças, mulheres grávidas, adultos e jovens, todos obrigados andar a pé porque não tinha transporte público. Autocarros apoiavam mais uma actividade dos camaradas.

Quem circulou na estrada 230 teve imensas dificuldades no dia de hoje, sábado. Paragens ficaram abarrotadas desde as primeiras horas da manhã, não havia transportes públicos. Estes estavam ao serviço do partido MPLA em mais uma das campanhas na capital.

Os azuis e brancos que servem de alternativas especulavam o preço, não chegavam até aos Congolenses por conta do acto de massa. Quando eram 15 horas ainda as paragens estavam cheias de gentes que desesperadamente accionavam a carros particulares, uns tiveram sorte e subiram no conhecido "mona ngambe", carroçaria, enfretando os perigos possíveis num desejo de chegar ao destino.

Não é a primeira vez que tal cenário se observa na capital que além do acto do MPLA acolheu a passeata da Frente Patriótica Nacional,  de Adalberto, Chivukuvuku e Filomeno. 

REAÇÕES

0
   
1
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   
1
   

Comentários