A reforma educativa veio mutilar os alunos, diz professor Sebastião André


O professor Sebastião André, disse hoje, ao nosso portal, que o sistema educacional angolano, adoptado pelo Ministério da Educação, “Reforma Educativa”, veio mutilar os alunos.
Créditos: Angop

“O ministério deveria em primeira instância, conversar com os professores e os encarregados de educação, a fim de darem o seu parecer sobre o novo sistema educacional, que diga-se abono da verdade, veio deformar e mutilar os alunos”, disse o professor Sebastião André.

Entristecido com a realidade do ensino em Angola, o professor acredita que para o benefício da boa educação, deve-se criar posições unilaterais, quer seja, teoria ou prática, que quisermos competir com os países africanos.  

“O Ministério da Educação deve criar métodos que permitem os alunos a praticar os conhecimentos adquiridos na sala de aula. Não existe ciências teóricas, quer seja, Sociologia, Psicologia, Comunicação Social. Precisam de um espaço para as suas aulas práticas, porque se assim não acontecer, os alunos acabam por sair da escola sem práticas”, disse o professor.

Outro ponto que deixa preocupado o professor Sebastião André, é o caso da Transição Automática. “Como eu já disse outrora, o ministério de tutela (Ministério da Educação), deveria sentar com os professores, para a resolução desse problema. Aprovar um aluno que não sabe nada, não pode acontecer, porque se isso acontecer, nós automaticamente estaremos a mutilar o aluno”, concluiu o professor

REAÇÕES

5
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   
1
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK