Quem vai cuidar das três crianças?


A pergunta é do rapper Fly Skuad, que disponibilizou um vídeo nas redes sociais, onde critica durante a atitude de um dos agentes da polícia, já detido, por disparar mortalmente sobre uma vendedora ambulante, no bairro Rocha Pinto, em Luanda.

Num estilo freestyle, como o rapper nos habitou, Fly Skuad questiona o silêncio do Presidente da Republica e fala em "governação satânica".    

O vídeo que já conta com mais de 12 mil visualizações, tem como a descrição “não é justo, meu coração está ferido...Que a vítima descanse em paz”. 

Juliana Kafrique, de 28 anos, deixou 3 filhos, morreu em consequência do disparo de uma arma de fogo por um efectivo da Polícia Nacional na Avenida 21 de Janeiro, bairro do Rocha Pinto.

Assista aqui o video 

REAÇÕES

0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK