Prodígio: “É quase impossível ser angolano e não ser fã de Paulo Flores”


O rapper considera a voz sonante do Semba, Paulo Flores, como um pai. Por outro lado, garante haver saúde na Força Suprema.

O integrante do grupo Força Suprema expressou admiração pelo amigo e músico Paulo Flores, com que nos últimos tempos têm tido bastante contacto. De boca cheia, Prodígio afirma é “quase impossível ser angolano e não ser fã de Paulo Flores, tens de ter algum problema.”  

O miúdo da linha de Cintra, como também é tratado, numa entrevista concedida à TPA, acompanhada pelo Angola-Online, considera a amizade com o kota Paulo de “pai para filho.” ”Gosto muito dele, é tipo um pai para mim”, declara.

Em Setembro deste ano o rapper lançará no formato digital, devido à pandemia do novo coronavírus, uma nova obra discográfica com a participação do sembista. A obra concluída em Agosto do ano passado estava para ser lançada no formato físico em Março deste ano em Angola, todavia, a situação actual adiou.

Quanto aos rumores de existência de provável rotura na Força Suprema, o músico pôs as coisas em prato limpo, tendo garantido são uma família, estão todos unidos e a carreira individual dos integrantes em nada abala a saúde do grupo angolano residente naquelas bandas da tuga.

REAÇÕES

2
   
0
   
1
   
0
   
0
   
0
   
0
   
0
   


COMENTÁRIOS NO FACEBOOK