Supostos militantes da UNITA intoxicam Salão da Assembleia das Testemunhas de Jeová
Mais de 100 pessoas, incluindo várias crianças, desmaiaram ontem no Salão da Assembleia das Testemunhas de Jeová, localizado na Gamek, município de Viana, em Luanda. Dois dos cinco responsáveis pela intoxicação alegam ser da UNITA.

A tarde de ontem foi de terror para as Testemunhas de Jeová, que estavam assistir o primeiro dia de Congresso Regional, no Salão de Assembleia, localizado nos arredores da Combal, Gamek, em Viana. Mais de 100 pessoas, maior parte mulheres, desmaiaram depois de utilizar o quarto de banho. O pânico ficou instalado, e muitas pessoas desmaiavam a medida que andavam, as mais de 13 ambulâncias que rápido chegou ao local para socorrer as vítimas, foram insuficientes.

Crianças e adultos ficaram desmaiadas, mesmo atirando-lhes água não acordavam. E a solução foi levar as vítimas com viaturas que se encontravam estacionadas no parque de estacionamento da instituição religiosa. 

Fontes da Angola-Online, contam que a Polícia Nacional rápido acorreu ao local, e deteve dois dos cincos jovens responsáveis pela intoxicação. Segundo os jovens que dizem ser militantes da UNITA, foram motivados a perpetrar o ataque pelos últimos resultados das eleições gerais divulgados ontem de manhã pela Comissão Nacional Eleitoral, e pelo facto das Testemunhas de Jeová não votarem. 

Outros três supostos responsáveis pelo acto estão foragidos, e a polícia tudo faz para os deter.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS