Samakuva cumpre com a sua promessa e deixa o cargo máximo da UNITA
O líder da UNITA, Isaías Ngola Samakuva, confirmou nas primeiras horas da tarde que é homem de palavras. Cumpriu com a sua promessa e abdicou-se da presidência do partido da UNITA.

Angola-Online teve o conhecimento por intermédio de um comunicado de imprensa enviado a nossa redação, esta quarta-feira, onde pode ler-se que o líder do maior partido da oposição confirma a sua intenção de deixar o cargo de presidente do seu partido.

"Afirmei aos angolanos antes e durante a campanha eleitoral que depois das eleições deixaria o cargo de presidente da UNITA para servir o partido numa posição diferente. Mantenho e reafirmo esta decisão". 

O mesmo comunicado da conta, por outro lado, que está decisão só será efectivado depois da realização do congresso extraordinário que elegerá o novo presidente do seu partido.

"Amanhã tomo posse na Assembleia Nacional mas é possível que suspenda o meu mandato só enquanto estiver à frente do partido e até à Comissão Política deliberar a data do congresso extraordinário e, nessa altura, volto à Assembleia Nacional para os cinco anos de deputação", concluiu.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS